NOTA DE ESCLARECIMENTO: Indígena não morreu de coronavírus

Foto: Divulgação

O Distrito Federal continua sem registrar nenhuma morte por coronavírus.

O indígena Israel Tiago Martins, de 40 anos, que faleceu ontem logo depois de dar entrada na Unidade de Pronto Atendimento de Sobradinho II, cidade próxima a Brasília, com quadro de desconforto respiratório e febre, não estava infectado de coronavírus. Os testes realizados resultaram negativo.

Há pouco, a secretaria de Saúde do governo do DF, chefiada pelo secretário Francisco Araújo, divulgou nota confirmando que “testou negativo em exame definitivo realizado pelo Laboratório Central (Lacen) segundo teste molecular para detecção de SAR-COV2 por reação de PCR em tempo real utilizando o protocolo Berlim.”

O problema é que Israel chegou com apresentando sintomas semelhantes a infecção de coronavírus, como febre, tosse, diabetes com glicose elevada e pressão alta. “Ele tinha conjunto completo”, disse um assessor da secretaria da Saúde.

Portanto, o Distrito Federal continua sem nenhum óbito registrado até o momento.

Boletim atualizado
O monitoramento do governo do Distrito Federal sobre o novo coronavírus na capital, divulgado na noite desta sexta (27), mostra que são 242 os casos da doença, sendo que 76,5% (185) são pacientes com infecções leves, 18 estão internados no hospital e 39 ainda estão sob investigação.

Veja o quadro elaborado pelo governo do DF:

VEJA A NOTA DA SECRETARIA DE SAÚDE:

NOTA DE ESCLARECIMENTO

A Secretaria de Estado da Saúde do Distrito Federal, informa que o caso amplamente divulgado na noite de ontem (27), como sendo a primeira vítima do Covid-19 no DF, *testou negativo* em exame definitivo realizado pelo Laboratório Central (Lacen) segundo teste molecular para detecção de SAR-COV2 por reação de PCR em tempo real utilizando o protocolo Berlim.

O desencontro de informações se deu, em virtude da indicação de suspeita da doença no atestado de óbito que, em si só, não confirma a causa morte.

Portanto, o Distrito Federal continua sem nenhum óbito registrado até o momento.

ASCOM/SES

Please follow and like us:

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será divulgado


*


error

Enjoy this blog? Please spread the word :)

Facebook
Twitter
Instagram
%d blogueiros gostam disto: