Lêda Borges defende destinação de 30% das cadeiras dos parlamentos às mulheres

Foto: Assessoria

Em pronunciamento feito na Assembleia Legislativa de Goiás (Alego), a deputada Lêda Borges (PSDB) defendeu o projeto de lei de autoria do senador Luiz do Carmo (MDB-GO), que visa destinar 30% das cadeiras dos parlamentos brasileiros às mulheres.

Tucana afirma que, embora sejam maior parte do eleitorado, poucas mulheres estão nos parlamentos.
Lêda Borges enalteceu os vários encontros que estão sendo realizados pelo Estado e tem discutido o empoderamento feminino e a participação das mulheres na política.

“Em Goiás, dos 41 deputados, apenas duas são mulheres. Nós somos 52% do eleitorado, mas não ocupamos os assentos dos parlamentos. Precisamos não só dos 30% de candidaturas e fundo eleitoral, mas também de 30% de cadeiras. Precisamos discutir sobre o assunto para garantir representatividade feminina”, disse.

Da Assessoria de Comunicação

Please follow and like us:

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será divulgado


*


error

Enjoy this blog? Please spread the word :)

Facebook
Twitter
Instagram
%d blogueiros gostam disto: