É preciso se encontrar para evitar depressão

Foto/Arquivo Notibras
Luciana Kotaka

Chega um momento de sua vida que nada satisfaz seu coração, é como se vivesse um script todos os dias. Você acorda, toma banho, toma café, sai de casa para o trabalho, como se estivesse carregando uma mala muito pesada. Você percebe que algo está errado, um aperto no peito te lembra que não está feliz.

Parece que não se sente bem dentro de seu próprio corpo, se questiona o porquê acorda todos os dias, qual a finalidade de estar aqui agora, nesse mundo, nessa realidade. Sente que nada está bom, não consegue se sentir satisfeito, fica deprimido, sente que falta energia para continuar suas atividades e muitas vezes se acha um estranho para si mesmo. Quando está no trabalho fica se questionando, parece desencaixado.

Tem pessoas que nunca se sentiram satisfeitas com a profissão escolhida, outras gostavam muito do que faziam, mas em algum momento da vida algo aconteceu. Você se questiona e tenta encontrar uma resposta, mas ela não surge rapidamente. Você volta no tempo e se lembra de que quando pequeno onde queria muito seguir um caminho, talvez possa te dar uma direção para seguir, ou mesmo, te direcionar que áreas poderiam ser interessantes.

Explode uma crise interna e você se incomoda com a dor, com o conflito. Você tem duas opções, pode fingir que nada está acontecendo e ficar no mesmo lugar fazendo as mesmas coisas, ou pode olhar para essa crise que está vivendo e positivamente ir em busca de um sentido maior de vida.

Pense que os conflitos servem para dar um chacoalhão, concordo que pode causar uma grande desorganização interna, a ansiedade toma conta, talvez algumas noites sem dormir. E é nesse momento que a mudança está gritando dentro de você e é preciso ouvir seu coração. O dinheiro é muito importante para sobrevivermos, poder usufruir dele é muito prazeroso, mas ele por si só não proporcionará por muito tempo a satisfação, é preciso gostar, ter prazer no que fazemos.

Quantas histórias sabemos de pessoas bem-sucedidas que largaram tudo e mudaram de vida? É claro que não podemos agir por impulsividade, é importante ter cuidado. A satisfação interna, o encaixe, o encontro do propósito ocorre quando nos identificamos com nossas atividades, quando estamos inteiros, sentimos paixão. Podemos até uma vez ou outra acordar pela manhã com preguiça de ir trabalhar, mas quando chegamos lá, sentimos que faz sentido.

Faço um convite a você para que olhe para o que está sentindo, busque um caminho que o absorva, que se sinta integrado. Muitas vezes não é preciso uma mudança radical, mas a integração de mais uma atividade, algo que complementa e torna possível fluir o que verdadeiramente vem do seu coração.

A permissão para nos sentirmos mais inteiros vem de nós mesmo, da nossa coragem em confiar e seguir nossa intuição. De nos liberar dos padrões e ousar explorar novos caminhos. Agora é com você, espero que tenha conseguido despertar pelo menos um pouquinho do que é preciso para você se encontrar.

Notibras

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será divulgado


*


%d blogueiros gostam disto: